Como usar conectivos de maneira adequada na redação do ENEM?

O uso de conectivos - também chamados de operadores argumentativos ou elementos de coesão - é uma das maiores dúvidas dos candidatos na hora de produzir a redação do ENEM. É uma estratégia importantíssima para outros textos, por isso aprenda de uma vez por todas!

Escrito por Raquel Lima
Atualizado em 15 de Abril de 2020

Conectivos. Operadores argumentativos. Elementos de coesão. Diversos termos e um caminho único: competência 4 do ENEM.

Você sabe que a redação do ENEM é avaliada em 5 competências, que possuem o mesmo grau de importância. A quarta competência avalia a capacidade do candidato de demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.

O uso desses mecanismos linguísticos é o assunto deste post: você sabe quais recursos são esses e como usa-los da maneira correta?

Pegue papel e lápis e prepare-se para tirar todas as suas dúvidas!

Ainda que você nunca tenha escutado falar sobre elementos de coesão ou operadores argumentativos, você sabe bem o que ambos significam: eles são termos que tem por responsabilidade ligar sentenças e enfatizar a força da argumentação e o sentido que o candidato pretende atribuir para o período ou parágrafo.

Resumindo: são palavras e expressões utilizadas para conectar elementos textuais como frases, orações, períodos e parágrafos.

Agora que você já sabe o que significa, você acompanhará abaixo as funções que eles podem possuir seguidos de exemplos práticos para não restar nenhuma dúvida. Vamos lá?

Conectivos de Explicação do argumento

São operadores argumentativos de explicação: já que, visto que, uma vez que, em vista de, porquanto, por isso, por conseguinte, que, assim, por causa de, em virtude de e de tal forma que;

E agora o exemplo: "Mesmo com a existência da Lei Maria da Penha, a mulher não tem o respeito que merece, visto que são assediadas e até assassinadas simplesmente por serem mulheres. O rótulo de sexo frágil criou a cultura do medo e ainda que existam tantas conquistas, ele não consegue ser desconstruído."

Acima é possível observar que o visto que possui a função de explicar a razão das mulheres não terem o respeito que merecem: é possível fazer essa afirmação porque elas são assediadas e assassinadas pelo fato de serem do sexo feminino.

Conectivos de Conclusão e síntese do argumento

São operadores argumentativos de conclusão: dessa forma, então, assim, portanto, logo, diante disso e por conseguinte;

E de síntese de argumento: Enfim, por isso, de modo que, em resumo, em síntese e assim sendo.

Vamos ao exemplo: "Logo, sabemos que a lei precisa ser melhor consolidada. A mídia, como formadora de opinião, deve criar campanhas para alertar sobre esta violência (e muitas outras) e a importância de denunciá-la, além da proteção à vítima. É preciso haver fiscalização por parte do poder executivo e o legislativo deve criar uma lei obrigando ter um promotor e um juiz em cada delegacia para agilizar os processos.".

Nesse trecho é possível perceber que o logo introduz o parágrafo para sinalizar que o que foi dito antes evidencia a necessidade de consolidação da lei; para além disso, também possui a função de conclusão da ideia desenvolvida durante todo o texto.

Conectivos de Adição de argumento

São operadores argumentativos de adição: além disso, ademais, outro aspecto relevante é, outrossim, não só isso, mas também, até mesmo, em adição, (...) também (...), (...) ainda (...), (...) inclusive (...), e, mais e assim como.

Exemplo: "Hoje a maioria das mulheres atua no mercado de trabalho e, ainda que exerçam a mesma função que um homem, podem não ter a mesma remuneração. Na sociedade patriarcal atual, muitos homens, para impor respeito e em resposta as sutis mudanças femininas, acabam recorrendo à violência."

Neste fragmento é possível observar que há a evidência de duas informações: a primeira é que a maior parte das mulheres atua no mercado de trabalho e que elas não possuem o mesmo salário. Essas duas informações, que tem a mesma função de enfatizar que a mulher discriminada, são somadas com a presença do elemento ainda.

Conectivos de Oposição de argumento

São operadores argumentativos de oposição: porém, contudo, todavia, entretanto, no entanto, não obstante, embora;mesmo que, ainda que, por mais que, posto que, apesar de e a despeito de.

E agora o exemplo: " Em 30 anos - 1980 a 2010 - foram assassinadas mais de 92 mil mulheres segundo o Mapa da Violência. Embora exista a Lei Maria da Penha, ela se mostra ineficiente. Muitas mulheres tem medo das consequências da denúncia e grande parte se submetem a isso por amor ao agressor, ou ainda pelos filhos. Uma pesquisa da Secretaria de Políticas para as mulheres mostra que sete em cada dez vítimas foram agredidas por seus companheiros."

Neste trecho é possível perceber que a criação e aplicação da Lei Maria da Penha, que deveria servir como punição, não serve para alterar os dados do Mapa da Violência, que informa que em 30 anos mais de 92 mil mulheres foram assassinadas e outra pesquisa ainda oferece o dado que de 10 vítimas, 7 são agredidas pelo marido. Esse conflito de informações - evidenciado pelo uso do embora -  mostra uma contradição existente.

Conectivos de Confirmação de argumento

São operadores argumentativos de confirmação: de fato, efetivamente, com efeito, em verdade e realmente.

Por fim, o exemplo: "Hoje a maioria das mulheres atua no mercado de trabalho e, ainda que exerçam a mesma função que um homem, podem não ter a mesma remuneração. De fato, na sociedade patriarcal atual, muitos homens, para impor respeito e em resposta as sutis mudanças femininas, acabam recorrendo à violência."

O uso do operador de fato serve para evidenciar e confirmar que a razão para mulheres receberem diferentes remunerações que homens está diretamente relacionada ao fato de nossa sociedade ainda ser muito patriarcal e que esse fato ajuda a evidenciar a violência que alguns cometem como forma de impor superioridade perante ao feminino.

É muito importante que você escolha pelo menos um argumento de cada tipo para treinar ao escrever sua redação. Assim, você ficará mais familiarizado com ele e utilizará de maneira adequada.

Gostou desse post? Fica ligado para não perder nenhuma dica para arrasar na redação do ENEM!


Escreva a redação com confiança

Tenha acesso a nossa plataforma funcional e interativa, com correções detalhadas, precisas e conteúdos práticos para facilitar o aprendizado.