Alternativas para diminuir a reincidência criminal no Brasil

De acordo com a Lei de Execução Penal, é reincidência “quando o agente comete novo crime, depois de transitar em julgado a sentença que, no País ou no estrangeiro, o tenha condenado por crime anterior”

A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo em modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “Alternativas para diminuir a reincidência criminal no Brasil”, apresentando proposta de intervenção que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista. Não se esqueça: seu texto deve ter mais de 7 (sete) linhas e, no máximo, 30 linhas.

TEXTO 1:

Disponível em: Relatório de Reincidência / Ipea.

TEXTO 2:

“Com 35 passagens pela polícia, jovem de 19 anos é preso por tráfico em Angra”. “Com 73 passagens pela polícia, homem é preso após invadir casa no Distrito
Federal”. “Menor com 29 passagens policiais é apreendido em Florianópolis”. É possível continuar até o fim do texto colecionando manchetes como estas, retiradas de sites de notícias. [...]
Um cidadão que passou criminalmente 73 vezes pela mão do Estado nada aprendeu e nada esqueceu. O mesmo pode-se dizer do próprio Estado. A Lei de
Execução Penal afirma que a assistência ao preso visa “prevenir o crime e orientar o retorno à convivência em sociedade”. Nas histórias de reincidência descritas no
parágrafo acima, o poder público falhou miseravelmente na primeira parte do objetivo; na segunda, idem, a menos que se considere a vida bandida como uma modalidade de convivência social.

Disponível em: https://epoca.globo.com (adaptado).

TEXTO 3:

Em meio aos diversos problemas que o Brasil enfrenta atualmente, a crise do sistema carcerário é um dos mais graves e urgentes a serem solucionados. Trata-se de uma questão polêmica, tendo em vista que o tema divide a sociedade entre os céticos que não acreditam na possibilidade de o preso ser ressocializado e os que creem na recuperação do condenado por meio de políticas públicas dentro dos presídios e após o cumprimento da pena. Acontece que por muito tempo esse assunto tem sido deixado de lado, o que apenas fez agravar a situação que antes era de alerta e agora é emergencial, em que centenas de pessoas em regime prisional vivem esquecidas pelo poder público em condições precárias, em sinal de total descaso governamental. O Estado, que por muito tempo nem mesmo discutiu o tema, tem falhado em suas tentativas de sanar os problemas do sistema carcerário, fazendo com que a crise aumente e surjam novos problemas. Esse cenário caótico provoca diversas outras dificuldades, como o aumento da violência, as rebeliões, a violação de direitos e a reincidência criminal.

Disponível em: http://www.conteudojuridico.com.br (adaptado).

Não perca nada!

Insira seu e-mail no campo abaixo para receber conteúdos e dicas da redação do ENEM direto na sua caixa de mensagens. Não se preocupe, não fazemos spam!

Conheça o CoRedação

Correções super detalhadas, curso completo, apostila, conteúdos exclusivos e mapas mentais para turbinar seus estudos para a Redação do ENEM 2021.