Segurança pública em questão no Brasil

No Brasil, os desafios em torno do sistema de segurança pública configuram-se como um problema de caráter social que afeta o cotidiano da população.

A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo em modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “Segurança pública em questão no Brasil”, apresentando proposta de intervenção que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista. Não se esqueça: seu texto deve ter mais de 7 (sete) linhas e, no máximo, 30 linhas.

TEXTO 1:

Disponível em: https://mouse.fandom.com (adaptado).

TEXTO 2:

Disponível em: 13° Anuário Brasileiro de Segurança Pública/Fórum Brasileiro de Segurança Pública (2019).

TEXTO 3:

O serviço público, em geral, apresenta sérios problemas de coordenação e aplicação de recursos humanos e materiais destinados à execução de suas atividades. Por óbvio, com os órgãos de segurança pública, nas mais diversas instituições e unidades da federação, isso não seria diferente. É claro que os problemas não são exatamente os mesmos em todas as instâncias da segurança pública. Pode-se afirmar, contudo, que em muitos locais faltam condições básicas de estrutura material. Por mais absurdo que se possa parecer não são poucos os casos de espaços inutilizados por falta de iluminação, instalações sem qualquer funcionário para limpeza, mobiliário completamente deteriorado, computadores antigos, coletes balísticos vencidos, falta de munição, carência de viaturas e cortes de combustível.

Disponível em: https://www.conjur.com.br (adaptado)

TEXTO 4:

Segundo as evidências disponíveis, há uma sensação compartilhada por muitas pessoas de que a vida nas grandes cidades é cada vez mais violenta. De acordo com o Mapa da Violência 2012, 79% dos cidadãos brasileiros, especialmente os que vivem nas grandes cidades, afirmam ter medo de ser assassinados. Não são cidadãos que trabalham como policiais ou em atividade de risco, mas pessoas consideradas ‘‘comuns’’, trabalhadores urbanos.

Disponível em: Sociologia em movimento. Conflitos urbanos: violência e privatização do espaço urbano, 2013 (adaptado).

Não perca nada!

Insira seu e-mail no campo abaixo para receber conteúdos e dicas da redação do ENEM direto na sua caixa de mensagens. Não se preocupe, não fazemos spam!

Conheça o CoRedação

Correções super detalhadas, curso completo, apostila, conteúdos exclusivos e mapas mentais para turbinar seus estudos para a Redação do ENEM 2021.