Modelo de Redação sobre a importância da tecnologia na educação

Confira uma redação modelo sobre os tema importância da tecnologia na educação, veja os argumentos e os repertórios usados para treinar.

Escrito por Raquel Lima
Atualizado em 09 de Abril de 2021

A tecnologia está cada vez mais inserida na sociedade e nas formas de se comunicar, principalmente entre os mais novos. Contudo, a educação brasileira ainda se organiza de forma antiga, o que faz os jovens se desestimularem e perderem a vontade de estudar.

O assunto tem sido cada vez mais discutido, principalmente no contexto da Pandemia do Novo Coronavírus. Veja a Redação sobre "Desafios no uso das tecnologias na educação brasileira", compare com a sua redação e se inspire:

INTRODUÇÃO:

É evidente que desafios precisam ser superados com relação ao uso de tecnologias na educação brasileira. Embora a Revolução Industrial represente o início do avanço digital, o Brasil ainda carece de progressos nesse quesito, pois apesar desta ciência ser benéfica no ensino e aprendizado, ela não é amplamente utilizada pela desigualdade existente no acesso à internet. A consequência disso é o baixo interesse por parte dos estudantes, o que provoca a evasão escolar.

DESENVOLVIMENTO

Primeiramente é fundamental destacar que o acesso aos recursos digitais não é um benefício experimentado por todos. De acordo com o IBGE, um em cada quatro brasileiros não estão inseridos na internet; isto representa um impasse com relação ao uso de tecnologias no contexto educacional do país. Embora a Constituição Federal garanta como direito social o acesso à educação, ela não é oferecida de forma adequada, visto que há negligência por parte do Governo no âmbito educacional pela redução frequente de verbas destinadas às escolas e ao ensino, o que confirma e evidencia o contraste entre os tupiniquins no presente e no futuro.
Deve-se ressaltar também que o cenário arcaico das escolas brasileiras acaba por incentivar a evasão escolar no país. Atualmente, a organização escolar tende a ser desinteressante para o aluno; em muitos desses casos se a tecnologia fosse usada no contexto de aprendizado isso não aconteceria. Paulo Freire, patrono da educação no Brasil, afirma que "Ninguém educa a si mesmo, os homens se educam entre si mediatizados pelo mundo". Dessa forma, torna-se vital o uso das tecnologias nessa conjuntura, pois a tecnologia pode ser usada como mecanismo capaz de ampliar o conhecimento dos estudantes e ajuda-los a absorver conteúdos com a mediação do professor para que eles não desejem abandonar a escola.

CONCLUSÃO

Logo, medidas são necessárias para resolver o problema discutido. O Ministério da Educação deve oferecer capacitação online para os professores nos finais de semana por meio de vídeos, materiais de apoio e tarefas para que eles sintam-se preparados para inserir a tecnologia no ensino e assim  prepará-los para enfrentar os novos desafios que surgirem. Além disso, urge que o Ministério da Educação invista em tecnologia através de verbas públicas para tornar menos desigual a educação. Assim, o ensino será mais justo e igualitário para que todos desfrutem dos benefícios tecnológicos originados na Revolução Industrial.

Comentários:

COMPETÊNCIA 1: é possível perceber que o candidato sabe escolher as palavras adequadas para a redação para construir um texto com linguagem formal. Além disso, raríssimos problemas gramaticais podem ser encontrados no texto, somente casos de repetição de palavras. Para resolver isso, leia atentamente sua redação antes de enviar e use sinônimos para evitar esses eventos. Apesar desses desvios, eles ainda garantem 200 pontos nessa Competência.

COMPETÊNCIA 2: o texto é muito estruturado e dividido em introdução, desenvolvimento e conclusão, além de apresentar variedade de conhecimentos de outras áreas para fortalecer o posicionamento. A introdução em especial apresenta-se impecável, com apresentação do tema, repertório relacionado ao assunto, necessidade de resolver e evidência da tese, além da citação de argumentos. Excelente!

COMPETÊNCIA 3: como afirmado anteriormente, houve organizou das ideias previamente antes de começar a desenvolver o texto. Por isso, os parágrafos argumentativos possuem início, meio e fim, além de contarem com tópico frasal e repertório para tornar a tese forte. É ótima a forma como a linha de raciocínio é conduzida e desenvolvida, de modo que a leitura é muito clara e os argumentos escolhidos são originais, sem referência aos textos motivadores.

COMPETÊNCIA 4: o candidato demonstra conhecimento dos conectivos necessários para construir o texto e os utiliza tanto no início quanto no interior dos parágrafos. Eles são muito poderosos para garantir a coesão e coerência da redação, por isso a linguagem do texto é clara. Há, no texto a repetição do conectivo "assim", mas isso não atrapalha a compreensão e o fluxo de leitura. É excelente o encadeamento de ideias e a forma como os conectivos e outros mecanismos linguísticos são usados, como conjunções e pronomes.

COMPETÊNCIA 5: a conclusão é bem desenvolvida, primeiramente pela (re)problematização do assunto. Nela há também a proposta de duas ações, todas muito bem desenvolvidas e detalhadas, pois apresentam a ação, agente, finalidade, modo de fazer a ação e detalhamento da finalidade. Houve respeito dos direitos humanos e a proposta apresentada é possível de ser feita, isso te facilita muito na hora de construir o parágrafo.

Bons estudos!

Não perca nada!

Insira seu e-mail no campo abaixo para receber conteúdos e dicas da redação do ENEM direto na sua caixa de mensagens. Não se preocupe, não fazemos spam!

Conheça o CoRedação

Correções super detalhadas, curso completo, apostila, conteúdos exclusivos e mapas mentais para turbinar seus estudos para a Redação do ENEM 2021.